Home / Policial / Salvador: Assassinato de “Carla do Laço” pode ter sido motivado por amor não correspondido

Salvador: Assassinato de “Carla do Laço” pode ter sido motivado por amor não correspondido

carla

A jovem arrastada até um lixão e executada no bairro da Fazenda Grande, em Salvador, pode ter sido morta por causa de um amor não correspondido, informou o delegado Jamal Amad, coordenador da 3ª DH-BTS (Delegacia de Homicídios Baía De Todos os Santos), nesta terça-feira (1º).

A morte de Carla Nadiele Moreira da Silva, a Carla do Laço, teria sido executada pelo traficante conhecido por Macauli, com a ajuda dos comparsas de prenome Luan e Ítalo. A motivação do assassinato ainda não foi esclarecida pela polícia, mas o delegado já apurou que Macauli tentava se relacionar com a vítima, mas não era correspondido.

Outro suspeito de envolvimento na morte de Carla do Laço, o traficante Elton Vinícius Bispo Freitas, o Acarajé, de 29 anos, foi preso e apresentado à imprensa hoje.

Apontado pela polícia como líder do tráfico de drogas na localidade de 1º de Maio, na Fazenda Grande, Elton estava com mandado de prisão em aberto pelo homicídio de Maria do Amparo dos Santos, e foi preso, no sábado (27), naquele bairro, durante a Operação BTS em Paz, realizada pelo DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa ) e por equipes da Polícia Militar.

O homicídio de Maria do Amparo, a Fia, tem ligação com o tráfico. A vítima estaria comercializando drogas para traficantes rivais. Elton também é suspeito de matar um usuário de drogas de prenome Joelson, confundido pelo criminoso com um policial.

Além disso, verifique

Ilhéus-Ba: homem é preso após praticar roubo com simulacro de pistola

Share this on WhatsApp Policiais militares do PETO 69 prenderam um indivíduo suspeito de roubo, ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *