Home / Política / Itabuna: Eleição terá pelo menos 7 pré-candidatos de ‘primeiro pelotão’

Itabuna: Eleição terá pelo menos 7 pré-candidatos de ‘primeiro pelotão’

IMAGEM_NOTICIA_5 (1)

A corrida eleitoral em Itabuna, no Litoral Sul baiano, apresenta neste ano um leque amplo de pré-candidatos. Se o número expressivo, em torno de 13 pré-candidatos, se manterá no frigir dos ovos, ninguém ainda sabe. Só no considerado primeiro pelotão – os com maior visibilidade – pelo menos sete nomes vão entrar na briga para decidir quem será o prefeito da cidade a partir de 1° de janeiro de 2017. A candidatura da situação, apoiada pela atual prefeito Claudevane Leite, o Vane da Renascer, será representada pelo deputado federal Davidson Magalhães (PCdoB). O nome de Magalhães foi decidido após desistência de Vane em concorrer à reeleição neste ano. Dizem que a rejeição à atual gestão fez Vane desistir de seguir à frente do executivo local. Com candidatura mais alinhada, mas nem tanto celebrada pelo governo Rui Costa, o deputado Geraldo Simões (PT), duas vezes prefeito da cidade, também colocará o nome para a disputa. No arco da oposição, três nomes concorrem ao pleito. Um é o ex-prefeito por quatro temporadas Fernando Gomes, do DEM. Outro é o Capitão Azevedo, também ex-prefeito de Itabuna, que se filiou recentemente ao PTB, depois de deixar o DEM. Contra os dois pesam implicações judiciais. Gomes foi condenado pela Justiça Federal por irregularidades no uso de verbas em um programa de agricultura familiar. E Azevedo teve quatro contas rejeitadas na passagem dele no comando da prefeitura entre os anos 2009 e 2012. O mais jovem dos três, Augusto Castro (PSDB) é o com maior saúde pré-eleitoral. Liderou uma pesquisa de intenção de votos feita em dezembro do ano passado. Mais ao centro, aparecem Antônio Mangabeira (PDT) e Roberto José (PR). O pedetista, que é engenheiro, é tido como a novidade entre os postulantes; e o geógrafo Roberto José, que se desligou do governo Vane para concorrer ao pleito, vai pautar a campanha no chamado choque de gestão, com redução de despesas para gerar saldo para investimentos. Além dos sete, aparecem como pré-candidatos, Zem Costa (PSOL), que ficou em 5° lugar na eleição de 2012, além de Leninha da Autoescola (PPS), Alfredo Melo (PV) e Coronel Santana (PTN). Os dados estão lançados. Bahia Notícias

Além disso, verifique

Bolsonaro será diplomado nesta segunda pelo TSE

Share this on WhatsApp O presidente eleito, Jair Bolsonaro, chega a Brasília hoje (10) para a cerimônia ...

Deixe um Comentário