Home / Policial / Após cometer assalto, travesti é agredida pela vítima e ameaça: “Me aguarde, querido!”

Após cometer assalto, travesti é agredida pela vítima e ameaça: “Me aguarde, querido!”

68d6ybqr9w_1oxqsdvbam_file

Uma travesti foi presa suspeita de praticar assaltos no centro de Salvador. Wilton Silva Santos, de 26 anos, conhecido como Camila, foi surpreendida por policiais miliares e reconhecido pela vítima.

Segundo informações, a travesti usou uma faca para cometer os crimes. Mas, ela negou que estivesse armada e afirmou que a faca era do comparsa, que conseguiu fugir. Ela disse que não tinha praticado o crime e ainda desafiou a vítima a comprovar a participação dela na ação.

— Você prova que foi eu?

Após o roubo, a travesti teria sido agredida pela vítima e a ameaçou: “Você deu um coça hoje, mas pode outro dia a gente se bater. Você deu hoje porque eu estava desprevenida, mas de frente vai se f…”

— Me aguarde, querido!

A vítima contou que estava voltando do dentista quando foi parada por Wilton e um amigo dela. A dupla teria pedido o celular e o dinheiro do homem. Ainda segundo ele, um dos suspeitos ainda tentou meter a mão no bolso dele para pegar o dinheiro, mas ele não deixou e acabou entregando o aparelho celular. A dupla saiu andando normalmente.

O homem seguiu os suspeitos e aproveitou o momento que Camila se separou do amigo, na estação da Lapa, para abordá-la e pedir o celular. Mas, a travesti alegou que o aparelho estava com o amigo dela.

A vítima contou ainda que pediu o celular, mas a travesti teria colocado o dedo em seu rosto e a empurrado. O homem acabou empurrado a travesti, que teria tentado pegar uma gilete dentro da bolsa. Nesse momento, um homem teria chutado Camila. Depois, a vítima desferiu um soco contra a suspeita e bateu o rosto dela no chão.

De acordo com a Polícia Civil, a travesti e alguns amigos se encontram na praça da Piedade para cometer delitos

Além disso, verifique

Sto Antônio de Jesus: Dois homens são presos com pistolas e munições na BR-101

Share this on WhatsApp Dois homens, de 26 e 32 anos, foram presos por porte ...

Deixe um Comentário