Home / Policial / Acusado de matar investigador em Itaparica é preso

Acusado de matar investigador em Itaparica é preso

Policiais do setor de Operações de Inteligência (SOINT) em conjunto com o Peto prendeu em flagrante três pessoas Samuel Gomes Conceição, Roberval Ribeiro da Silva e Felipe dos Santos Barbosa. Samuel é acusado de ter efetuado os disparos que alvejaram dois homens em praça na Ilha de Itaparica.


Felipe foi apontado com o dono da arma As vítimas morreram no local, sendo que, uma delas o investigador Márcio de Jesus Santos, de 47 anos, de 47 anos. As equipes trabalharam sob a coordenação do Major PM Fera, comandante da 5ª CIPM. Todos foram conduzidos para a nova delegacia da Boca do Rio, em Salvador.


A Morte do Investigador


A Polícia Civil já sabe quem foi o autor dos disparos efetuados, na madrugada desta quarta-feira (1º), na Praça do Mercado, em Itaparica. Uma bala perdida atingiu o investigador Márcio de Jesus Santos, de 47 anos, que foi socorrido e encaminhado ao Hospital de Santo Antônio de Jesus. Ferido na região das costas, o policial não resistiu e morreu.

O investigador, que morava no Alto do Santo Antônio, naquela cidade da região metropolitana, foi até o local, por volta da 1h40 de hoje, para buscar a filha que estava numa festa, quando os disparos ocorreram. Além dele, duas outras pessoas também foram atingidas e socorridas ao Hospital Geral de Itaparica. Uma delas ferida no abdômen e outra na mão.

O autor dos tiros teve uma discussão, em plena festa, com a pessoa que foi atingida no abdômen. Ele, então, saiu da praça, foi até sua residência, pegou a arma e voltou para o local, efetuando os disparos. O caso está com a 19ª Delegacia Territorial (DT/Itaparica), cujas equipes fazem diligências na região para localizar o criminoso.

Além disso, verifique

Mistério! Mecânico desaparece em Cajazeiras e carro é localizado em Pirajá

Share this on WhatsApp O mecânico Ruan Carlos Maia Costa, 31 anos, saiu de casa, ...

Deixe um Comentário