Home / Policial / Acusado de executar segurança com 23 tiros é preso em Salvador

Acusado de executar segurança com 23 tiros é preso em Salvador

Policiais militares prenderam na quinta-feira (8) um dos suspeitos de participar do assassinato do segurança Uelinton Oliveira Santos, 32, em Cajazeiras XI, morto com 23 tiros dentro do próprio carro. José Antônio Lisboa, conhecido como Neto, de 25 anos, foi detido em uma localidade conhecida como Moscou, em Castelo Branco.

Neto nega participação no crime, mas a delegada titular da 2ª Delegacia de Homicídios, Ana Cristina Oliveira, apontou que há diversos indícios de que ele e mais duas pessoas tenham envolvimento na morte do segurança.

O traficante foi detido por policiais do 47º Peto (Pelotão de Emprego Tático Operacional), que receberam informações de que ele estaria vendendo drogas na região. Ao perceber a chegada dos PMs, Neto tentou esconder o material em uma casa, porém sem sucesso.

Com o suspeito, foram encontrados 115 pinos de cocaína, 83 pedras de crack, uma caderneta de anotações do tráfico e R$ 123. Ele foi preso em flagrante por tráfico e associação para o tráfico e está à disposição da Justiça. Neto já tinha passagem pelo primeiro crime. A motivação do crime ainda é desconhecida.

O crime

Na manhã da última terça-feira (6), um homem foi morto a tiros dentro de um carro, no bairro de Cajazeiras XI, na capital baiana. Segundo a Central de Polícia, o crime aconteceu na rua Juscelino Kubitschek.

Segundo a Centel, Uelinton Oliveira Santos foi baleado por homens armados que estava a bordo de outro veículo. Uma equipe da PM foi acionada e isolou a área do crime até a chegada do Silc (Serviço de Investigação em Local de Crime)

Além disso, verifique

“Filho do Coroa”! Jovem morto em Águas Claras colocou nas redes que era traficante

Share this on WhatsApp Um rapaz de 22 anos foi morto a tiros na manhã ...

Deixe um Comentário