Home / Brasil e Mundo / DESCUBRA: Criatura meio humana com 4 seios e cabeça de peixe! Sereia?

DESCUBRA: Criatura meio humana com 4 seios e cabeça de peixe! Sereia?

As fotos e o vídeo da estranha criatura apareceram nas redes sociais na primeira semana de dezembro de 2017 e foi bastante compartilhada. Nela podemos ver um ser estranho, com formas humanas misturas as de um peixe! No torço, o bicho possui 4 seios e uma enorme barriga, enquanto que sua cabeça se assemelha a de um peixe.
A criatura, que está sendo chamada de “sereia” nas redes sociais, parece ainda respirar, como podemos ver no vídeo, mas será que isso é verdade mesmo?
Será que esse animal foi capturado por pescadores em alto mar?    
Verdadeiro ou falso?

Em primeiro lugar, a versão afirmando que esse animal teria sido pescado por um grupo de amigos e estava aguardando na praia à espera de identificação é falsa, visto que a criatura parece estar em exposição em uma área envolta com vidro.

Além disso, podemos ver também que há cabos ligados à caixa desse bicho, o que pode ser um indício de que ele pode ser um boneco ou algo assim:

A verdade mesmo é que, como você já deve ter imaginado, a suposta sereia é uma escultura feita por um artista birmanês (ou “mianmarês”) que explicou que a aparente respiração da sua obra de arte se deve a um motor que está conectado à criatura (lembra do cabo que mencionamos nos parágrafos anteriores?). Segundo o artista, sua ideia foi a de “criar uma escultura que representasse o mundo dos vivo na sua totalidade”:

Artista trabalhando em sua obra! (foto: Divulgação)

Conclusão

A estranha criatura híbrida que muitos estavam alegando ser uma prova da existência de sereias é uma escultura feita por um artista birmanês e não foi resgatada no mar por pescadores!
*com a colaboração de Riomar Bruno

Fonte; Efarsas

Além disso, verifique

Vendedor de salgados sem uma das mãos é humilhado por cliente após demora na entrega: ‘Fiz com maior carinho’

Share this on WhatsApp O desabafo de um vendedor de salgados que possui apenas uma ...

Deixe um Comentário