Home / Policial / Morto a tiros, dirigente do MST é velado em Vitória da Conquista: ‘Estamos em choque’

Morto a tiros, dirigente do MST é velado em Vitória da Conquista: ‘Estamos em choque’

Morto na cidade de Iramaia

na região sudoeste da Bahia, o diretor estadual do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), Márcio Matos, começou a ser velado na tarde desta quinta-feira (25). A cerimônia ocorre na secretaria regional do MST, em Vitória da Conquista, município natal da vítima, também no sudoeste baiano.

O velório é acompanhado por familiares, amigos, além de lideranças estaduais e nacionais do MST. O corpo será sepultado na manhã de sexta-feira (26), por volta das 10h, no Cemitério Parque da Cidade.

Em entrevista na tarde desta quinta-feira, uma das diretoras estaduais do MST, Lucinéia Durães, disse que o crime chocou o movimento. “Estamos em choque e com muito indignação. Era um militante que se doou por uma luta, por uma país justo”. Ela acrescentou que o dirigente nunca foi vítima de ameaças de morte.

A polícia investiga e já descartou a hipótese de latrocínio, porque nada foi levado da casa da vítima. Uma equipe da Coordenadoria da Polícia Civil de Jequié acompanha as investigações. O G1 tentou contato com a polícia na região, mas, até a publicação desta reportagem, não consegu
Márcio Matos Oliveira tinha 33 anos (Foto: Reprodução/Facebook)

Caso

Dirigente do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), e integrante do Partido dos Trabalhadores (PT), foi morto a tiros na noite de quarta-feira (24), na propriedade rural em que ele morava, na cidade de Iramaia, que fica no sudoeste do estado e também faz parte d aregião da Chapada Diamantina.

Além disso, verifique

Itabuna-Ba: Noite tensa com tiroteio e morte no bairro São Lourenço

Share this on WhatsApp   Um jovem identificado como Italo e conhecido por ” Italo ...

Deixe um Comentário