Home / Policial / Homicídios em Medeiros Neto e Nova Viçosa

Homicídios em Medeiros Neto e Nova Viçosa


Na madrugada desta segunda-feira (5), populares encontraram o corpo de Hélio Cruz Pereira, 42 anos, natural de Caravelas, com sinais de violência, com a cabeça praticamente esmagada. O corpo foi encontrado na rua Gogó da Ema, em Nova Lídice, distrito de Medeiros Neto. Hélio estaria em Nova Lídice a trabalho, e foi visto por volta das 21 horas de domingo (4), bebendo em um quiosque na praça do distrito. Familiares relataram que ele era uma pessoa idônea. Próximo ao corpo de Hélio foi encontrado um pedaço de tronco, possivelmente, usado para matá-lo. Em Nova Viçosa, dois homicídios bárbaros aconteceram em dois distritos do município, sendo um em Helvécia, e outro em Argolo. O homicídio de Helvécia foi o mais chocante de todos, sendo a vítima identificada como Deivid de Jesus Duarte, 22 anos. Segundo informações de testemunhas, a vítima estaria indo para sua casa, acompanhado de sua companheira, quando ao passarem pela rua Bom Jesus, ele foi atingido por um disparo de arma de fogo, nas costas, vindo a cair ao solo, e, segundo a sua companheira, o suspeito se aproximou rapidamente com um facão, vindo a desferir vários golpes na área da cabeça, e do rosto da vítima, que morreu na hora. Já a sua companheira correu na hora, pedindo por ajuda. As informações extraoficiais dão conta que a vítima algum tempo atrás, teve um desentendimento com uma pessoa, que também é moradora do referido distrito, e que o desafeto estaria tentado lhe agredir com um facão. O outro homicídio, ocorrido no distrito de Argolo, também em Nova Viçosa, vitimou uma mulher d4e prenome de Mirian, assassinada com golpes de faca.. Ela foi socorrida para a Unidade Hospitalar Santa Amélia, no distrito de Posto da Mata, mas, já deu entrada sem vida. (Liberdade News)

Além disso, verifique

Homem mata sogra em Vila Canária; filha da vítima foi a mentora do crime

Share this on WhatsApp O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) apresentou Sidinei ...

Deixe um Comentário