Home / Destaque / Tristeza: Jovem de Poções desaparecido em 2015 foi enterrado como indigente em Ilhéus

Tristeza: Jovem de Poções desaparecido em 2015 foi enterrado como indigente em Ilhéus

Um desfecho trágico encerrou a angústia da família do jovem Dionínio Messias Silva, desaparecido desde setembro de 2015, na cidade de Poções. Na época ele tinha 26 anos e saiu de casa sem avisar ninguém. Aflita, a família procurou a imprensa na época em busca de informações sobre seu paradeiro. Cartazes foram colocados por toda cidade e em cidades próximas. Mais de dois anos após seu desaparecimento, a família descobriu que Dionísio foi encontrado morto naquele mesmo ano em Ilhéus e, segundo a Polícia Civil, o corpo não possuía documentos. Seguindo o protocolo e passado o prazo legal, em que os legistas aguardam manifestação de familiares e reconhecimento do corpo, Dionísio foi sepultado como indigente em Ilhéus, após ser liberado do IML de Itabuna, 60 dias após ser encontrado. O laudo aponta que o jovem morreu de causas naturais. Com informações do Portal Panorama Geral.

Além disso, verifique

Conquista: Suspeitos de matar pastora têm prisão decretada; pastor continua foragido

Share this on WhatsApp Os dois pastores, um ainda foragido, e o vigilante acusados de ...

Deixe um Comentário