Home / Política / Primeiro debate presidencial tem tom morno e poucos ataques

Primeiro debate presidencial tem tom morno e poucos ataques

Logo na chegada ao estúdio da Band, pouco mais de uma hora antes do início do debate, os oito candidatos indicaram qual seria o principal assunto da noite: estratégias para reduzir o contingente de desempregados no país, atualmente em 13 milhões de pessoas. Nas participações dos candidatos, muito mais ousadia nas perguntas – para tentar pegar os adversários em alguma falha – que nas respostas, medidas para evitar prejuízos eleitorais. No estúdio, os candidatos foram posicionados, da esquerda para direita, assim: Álvaro Dias (Podemos), Cabo Daciolo (Patriotas), Geraldo Alckmin (PSDB), Marina Silva (REDE), Jair Bolsonaro (PSL), Guilherme Boulos (Psol), Henrique Meirelles (MDB) e Ciro Gomes (PDT). O mediador, jornalista Ricardo Boechat, avisou no início que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi convidado a participar, mas foi impedido pela Justiça. O petista está preso em Curitiba deste o mês de abril.

Além disso, verifique

Bolsonaro será diplomado nesta segunda pelo TSE

Share this on WhatsApp O presidente eleito, Jair Bolsonaro, chega a Brasília hoje (10) para a cerimônia ...

Deixe um Comentário