Home / Destaque / Estudantes de Ilhéus e Itabuna desenvolvem tratamento de água

Estudantes de Ilhéus e Itabuna desenvolvem tratamento de água

O trabalho de pesquisa de estudantes de Ilhéus e Itabuna tem trazido resultados práticos quando o assunto é oferecer água de qualidade para a população. É o que revela o professor Franco Amado, da Uesc, responsável pelo Laboratório de Materiais e Meio Ambiente (Lamma), que conta com pesquisas, como o Projeto Água Limpa Sempre. O projeto tem conseguido eliminar impurezas das águas baianas, como em casos nos municípios de Bom Jesus da Lapa, Ilhéus e Itabuna. Responsável por iniciar as pesquisas entre os anos de 2000 e 2001, o professor Franco Amado explica que a máquina utilizada na Uesc pode tratar até dois mil litros por hora. “Se pensarmos que uma família de quatro pessoas utiliza 500 litros por dia, então uma máquina consegue tratar por hora o que quatro famílias consomem durante o dia”. Ele ressalta que atualmente não consegue tratar água de uma cidade inteira, mas de comunidades com 20 a 30 famílias. Para maximizar o processo de tratamento da água, auxiliando, inclusive, a resolver problemas de contaminação em cidades baianas, o pesquisador afirma que é possível acoplar várias máquinas ou produzir uma maior.

Além disso, verifique

Guarda Civil de Itabuna recupera carro de botijão de gás de cozinha roubado no Castália

Share this on WhatsApp imagem/ilustrativa Na manhã desta quinta-feira (22), poucas horas após dois bandidos ...

Deixe um Comentário