Home / Destaque / Sarampo: um terço da população baiana com menos de 50 anos não se vacinou

Sarampo: um terço da população baiana com menos de 50 anos não se vacinou

Um terço da população baiana com menos de 50 anos não está imunizada contra o sarampo. De acordo com informações da Coordenação de Imunização da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), até setembro, a cobertura vacinal na Bahia contra a doença nessa faixa etária era de 66%. Ou seja, 34% do público que tem direito a se vacinar na rede pública não estava imunizado.

Santo Amaro, no Recôncavo Baiano, é a primeira cidade no estado a registrar um surto da doença, com sete casos já confirmados: seis dos que contraíram a doença não eram vacinados e um não completou o ciclo de vacinação – duas doses. A campanha nacional de vacinação começa na segunda (7). “A meta é vacinar 95% para garantir uma imunidade coletiva eficaz. Se eu vacinar 95%, até o indivíduo que não tomou a vacina fica protegido pela imunidade de grupo, porque quem tomou a vacina protege os outros”, explica o responsável pela Coordenação de Imunização da Sesab, Ramon Saavedra.

O último boletim da Sesab aponta 467 casos da doença notificados na Bahia em 2019 – 254 descartados, 204 em investigação e nove casos confirmados, sendo sete em Santo Amaro, um em Jacobina e um em Salvador, importado da Espanha. Houve outros três casos de pacientes de São Paulo e Minas Gerais que passaram pela Bahia. *Com informações do CORREIO

Além disso, verifique

Vigilância Epidemiológica mapeia quem esteve com Augusto Castro nos últimos dias

Share this on WhatsApp Uma equipe do Departamento de Vigilância Epidemiológica de Itabuna já está ...

Deixe um Comentário