Home / Brasil e Mundo / Preso em Minas Gerais, jovem teria atacado escola após rejeição de duas garotas

Preso em Minas Gerais, jovem teria atacado escola após rejeição de duas garotas

O estudante havia pulado o muro da escola com uma garrucha de dois canos

Um estudante que teve seu nome preservado pode ser autor do ataque em escola de Minas Gerais na manhã da última quinta-feira (7), na cidade Caraí.

O estudante havia pulado o muro da escola com uma garrucha de dois canos, um simulacro de pistola e um facão.

Segundo outros estudantes, ele tentou entrar em uma sala de aula, onde a professora junto com outros estudantes impediu, mantendo a porta fecha. Foi quando o suspeito deflagrou tiros contra a porta e a esmo nos corredores, atingindo dois alunos.

O coronel Marinho, responsável pela investigação, comentou:

“Duas estudantes da escola se negaram a ter um relacionamento com o suspeito, a namorar com ele. E essa teria sido a motivação para o crime”, disse à imprensa. 

O jovem foi preso logo após, tentando fugir. Mesmo com a suspeita do coronel, o jovem não comentou sobre a motivação do crime. 

O Pai do jovem, de 80 anos, também foi preso, por omissão de cautela. A garrucha utilizada era de propriedade do senhor.

Além disso, verifique

Vovó de 80 anos dá surra em homem que queria invadir sua casa

Share this on WhatsApp Um homem invadiu a casa de uma idosa em Rochester, em ...

Deixe um Comentário