Home / Esporte / Justiça decreta prisão de ex-jogador do Vitória por dívida de pensão alimentícia

Justiça decreta prisão de ex-jogador do Vitória por dívida de pensão alimentícia

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) determinou a prisão do zagueiro Victor Ramos, ex-Vitória, por dívidas de pensão alimentícia. A ação foi movida pela ex-mulher do jogador Daniela Almeida Silveira, que cobra um débito de quase R$ 13 mil, entre os meses de outubro e dezembro de 2018. A decisão foi determinada pelo juíza de direito Alessandra Gonçalves Paim Bonanza, da 5ª Vara de Família do TJ-BA.

“É sabido que a impugnação à execução é o meio utilizado pelo executado para provar que a dívida exigida já foi paga ou que o valor a ela correspondente foi cobrado excessivamente. Todavia, na hipótese em exame, observa-se que o acionado não comprovou o pagamento do débito apontado pela exequente, tampouco apresentou justificativa capaz de o eximir do cumprimento da obrigação outrora estabelecida judicialmente”, diz um trecho da decisão.

Em julho do ano passado, Victor Ramos foi intimado pela Corte a pagar a dívida de pensão. Contudo, segundo a decisão desta quinta, ele alegou “impossibilidade financeira de efetuar o pagamento da pensão alimentícia estabelecida judicialmente em face de piora de sua condição econômica, com o seu consequente endividamento”. O jogador ainda havia solicitou o parcelamento do débito exequendo e a fixação “de um prazo razoável para o cumprimento da obrigação em tela”. Victor Ramos, de 30 anos, atualmente está sem clube. Ele disputou a Série B do ano passado pelo CRB (AL), após passagem frustrante pelo Vitória no início do ano. O jogador também passou por Palmeiras, Standard Liege (BEL), Goiás e Vasco.

Além disso, verifique

Mesmo sem patrocínio, judoca de Ilhéus é o 1º do ranking

Share this on WhatsApp Bicampeão da Copa Bahia de Judô Veteranos, tricampeão da Mega Etapa ...

Deixe um Comentário