Home / Destaque / Camaçari: Polícia prende mais um suspeito quase 3 anos após na morte de líder quilombola

Camaçari: Polícia prende mais um suspeito quase 3 anos após na morte de líder quilombola

Mais um acusado de envolvimento na morte de um quilombola, em setembro de 2017, foi preso em Barra do Jacuípe, localidade de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Segundo informação da Polícia Civil desta quarta-feira (5), o acusado, ainda não identificado, é suspeito na morte de Binho do Quilombo .

Conforme o G1, além dele, já tinha sido preso Leandro da Silva Pereira, conhecido como “Léo”, em dezembro de 2017 . O líder quilombola, que tinha 36 anos, foi morto a tiros dentro do próprio carro, no Território Quilombola de Pitanga dos Palmares, na zona rural de Simões Filho. A polícia informou que a vítima foi surpreendida por um grupo armado. A motivação do crime ainda não foi esclarecida.

Além disso, verifique

Jaguaquara: Dois morrem em colisão de carro com motocicleta na BA-250

Share this on WhatsApp Duas pessoas morreram em uma colisão na noite desta sexta-feira (25) ...

Deixe um Comentário