Home / Policial / Skatista é morto com diversos tiros na cabeça na Boca do Rio

Skatista é morto com diversos tiros na cabeça na Boca do Rio

Antônio Vinícius Falcão, 31 anos, foi assassinado na porta de casa na última quinta-feira (6), na Boca do Rio. Conforme o Correio, vizinhos que presenciaram o crime e preferiram não se identificar contaram que a vítima tinha acabado de colocar o capacete e subir na moto, quando uma pessoa que estava num carro preto, parado em frente à casa de Vinícius, disparou várias vezes. O assassino teria entrado no veículo e voltado para fotografar o corpo caído. O atestado de óbito e o capacete usado por Vinícius apontaram que foram mais de cinco tiros só na região da cabeça.

inda segundo o jonal, a vítima morava com a irmã e a mãe e trabalhava como motoboy para sustentar a filha. Diariamente, levava a garota para a escola e, nos finais de semana, se responsabilizava pelos cuidados com a criança, que passava o restante da semana na casa da bisavó materna. De acordo com a irmã de Vinícius, a advogada Mara Falcão, ele participaria de uma audiência de guarda compartilhada no dia seguinte ao assassinato.
A autoria e a motivação do crime estão sendo investigadas pela 1ª Delegacia de Homicídios, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Parentes e vizinhos ainda estão sendo ouvidos, e a investigação está em andamento. A Polícia Militar não foi acionada para atender o caso.
Por conta do crime, nesse domingo (9), a partir das 16h, skatistas, parentes e amigos se reunirão na sede do Centro Tecnológico da Bahia (Paralela) para prestar uma homenagem a Antônio.

Além disso, verifique

Itabuna-BA: Anderson foi executado no Pedro Jerônimo

Share this on WhatsApp  ​ Anderson Costa Moraes, de 32 anos foi assassinado na Rua ...

4 comentários

  1. Um mês vivenciando essa desgraça! Será que precisará acontecer algo mais para o crime ser desvendado? Sinto-me insegura, temo por minha família, pois não vamos calar. Clamo por justiça! #justiçaparaVinícius

  2. O tempo vai passando e o fato de ainda não termos um desfecho para o assassinato de Ninho enche meu coração de angústia. A vida de meu primo foi tirada de forma covarde; temo por minha família, pois tenho certeza de que a mente que arquitetou o massacre é capaz de qualquer coisa, pois não vamos nos calar. Além da dor de não termos mais em nosso convívio uma pessoa cheia de alegria, precisamos mudar nossa vida para seguir em frente, com o mínimo de segurança. Família e, atrevo-me a dizer, amigos ainda vivenciam o sentimento de que tudo o que aconteceu não foi real, devido a estupidez do episódio. #justiçaparaVinícius

  3. Já se passaram 18 dias desse episódio cruel. Clamamos por justiça! A família pede que quem puder depor a respeito, que faça. A vida de uma pessoa foi tirada covardemente. Considerando as características do assassinato, a família corre risco, é preciso prender a pessoa ou as pessoas responsáveis por esse crime. #justiçaparaVinícius

  4. Acreditamos no trabalho da polícia e aguardamos justiça!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *