Home / Brasil e Mundo / Mulher que passeava com cachorro é morta por jacaré nos EUA

Mulher que passeava com cachorro é morta por jacaré nos EUA

Uma mulher que levava o cachorro para passear perto de uma lagoa da Carolina do Sul morreu nesta segunda-feira (20) ao ser atacada por um jacaré de 2,44 metros, disse o xerife do condado.

Autoridades receberam um telefonema na manhã desta segunda-feira alertando que uma mulher estava sendo atacada em uma lagoa na ilha Hilton Head Island, destino turístico popular do Estado norte-americano.

A polícia recuperou o corpo e identificou a vítima como Cassandra Cline, 45 anos, de Hilton Head Island. O jacaré que se acredita ser o responsável pelo ataque foi capturado e morto, disse Robert McCullough, capitão do Departamento de Recursos Naturais da Carolina do Sul.

O cachorro não foi ferido, disseram as autoridades.

Os jacarés normalmente arrastam suas vítimas para o fundo da água até sua presa parar de respirar e ocultam o corpo para se alimentarem mais tarde.

Ataques de jacaré são incomuns nos Estados Unidos, onde a maioria das mortes relacionadas a animais são causadas por animais de fazenda, vespões, abelhas e cães, de acordo com um estudo publicado em março.

Mas há casos conhecidos. Em junho um jacaré de quase quatro metros matou uma mulher na Flórida, relatou a Comissão de Conservação da Pesca e Vida Selvagem do Estado à época.

Dois anos atrás um jacaré pegou um menino de dois anos na beira de um lago do resort do Walt Disney World na Flórida. Seus pais tentaram salvá-lo, mas não conseguiram libertá-lo.

Além disso, verifique

Guilherme Boulos incita invasão à casa de Jair Bolsonaro, veja vídeo

Share this on WhatsApp Pela enésima vez, Guilherme Boulos usa sua influência política de modo ...

Deixe um Comentário